Câmara Municipal de Penela

Penela continua empenhado na construção do CIUS

Penela continua empenhado na construção do CIUS


O Centro de Inovação dos Ungulados Silvestres (CIUS) da Serra da Lousã, localizado junto à Louçainha e ao Parque Eólico Malhadizes, é considerado uma unidade de referência da região e visto como um bom exemplo de ações de conservação e valorização da biodiversidade.

O projeto do CIUS integra a construção de dois cercados de dimensões diferentes, um maior com cerca de 70 ha e outro menor, com cerca de 11 ha; também se irão realizar obras na antiga infraestrutura do ovil, passando a ser o laboratório, edifício de apoio a investigações relacionadas com o projeto e, por fim, irá ser aproveitada a antiga casa do guarda florestal da Louçainha, sendo posteriormente considerada a Casa de Apoio ao CIUS.

Primeiramente, o objetivo da construção dos cercados é possibilitar o confinamento de algumas espécies de ungulados, permitindo a sua reprodução dentro da área cercada, com o propósito de, em parceria com a Universidade de Aveiro, estudar e monitorizar estes animais, melhorando o conhecimento até então adquirido. Ainda assim, permitirá a realização de visitas guiadas ao cercado, o que permitirá um contacto próximo com estas espécies em habitat natural.

A Casa de Apoio ao CIUS tem o propósito de acolher e apoiar investigadores, cientistas, estudantes e demais pessoas que desejem participar, de alguma forma, na investigação ou estudo relacionado com o CIUS. Com o desenvolvimento deste projeto serão ainda melhorados todos os passagens e percursos existentes, facilitando o acesso e a locomoção de pessoas e viaturas.

O Centro de Inovação dos Ungulados Silvestres traduz-se num produto para a região alavancando a hotelaria, restauração, atividades desportivas, atividades ao ar livre, possibilitando a atração de novos visitantes ao território.

O projeto CIUS é comparticipado em 80% pela Linha de Apoio à Sustentabilidade - Programa Valorizar, o que corresponde a 239.991,86€, e o valor de investimento elegível corresponde a 299.989,86€.



Data

28/01/2021

Categoria

Atualidade

Partilhar notícia