Câmara Municipal de Penela

Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural

  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural
  • Penela e Espinhal estrearam 20º edição do inverno cultural


O Inverno Cultural, um evento promovido pelo Municipio de Penela em colaboração com as associações concelhias, teve inicio este fim-de-semana, com uma dupla efeméride. No dia 19 de janeiro, comemorou-se o 161º aniversário da Sociedade Filarmónica Penelense e no dia 20 de janeiro, o segundo aniversário do Coro Carlota Taylor.

Fundada em 18 de janeiro de 1858 por um ilustre grupo de penelenses, a Sociedade Filarmónica Penelense (SFP), regida pelo Maestro Filipe André Reis Simões presenteou a assistência do auditório municipal de Penela, no passado sábado, com temas diversificados, entre eles, “Tchaikovsky Greatest Hits  -  Arr. John Moss”, “Deolinda Encanto Sinfónico - Arr. Carlos Amarelinho”, “Apollo: Myth and Legend - Rob Romeyn”, “Seleção Quinta do Bill - Arr. Luis Cardoso” e finalizando a sua atuação com “Arabian dances - Roland Barret”.

A partilhar o palco com a SFP, esteve a “Companhia da Chanca”, uma companhia de teatro profissional, sediada na aldeia da Chanca. Sendo a peça de teatro “O Sítio”, o espetáculo mais conhecido além-fronteiras penelenses, foi com o dueto, piano e voz, interpretando temas de José Afonso e Frederico Garcia Lorca que, André Louro e Catarina Santana, se fizeram representar no primeiro dia do IC 2019.

O domingo, foi de Encontro de Coros. Também em dia de celebrações, o Coro Carlota Taylor anfitriã na Igreja Matriz do Espinhal, celebrou o seu segundo aniversário, com a presença do Coro Canto Firme, de Tomar, do Coro Notas Livres, de Vendas Novas e do Coro da Casa do Povo, de Miranda do Corvo.

Criado em setembro de 2016, o Coro Carlota Taylor é uma homenagem à Professora de Música e Harpista que deu origem à Filarmónica do Espinhal.

De janeiro a abril, o Inverno Cultural de Penela que contabiliza este ano, a sua vigésima edição ininterrupta, irá oferecer uma vasta programação de música, dança, teatro e artes plásticas.



Data

22/01/2019

Categoria

Cultura

Partilhar notícia